Sabe quais são os 8 erros de higiene mais comuns na casa de banho? Conheça-os!

A casa de banho é um dos sítios mais ‘sujos’ ou cheios de bactérias que temos em casa. E, mesmo as pessoas que mais tempo passam a limpá-la podem estar a cometer graves erros de higiene.

BBny0t3

O site Good House Keeping listou os erros de higiene mais comuns e que podem estar a ‘infestar’ a sua rotina na casa de banho.

1. Não tapa a sanita quando puxa o autoclismo.  Quando puxa o autoclismo com a sanita a aberta as partículas da água cheias de germes (e sabe-se lá mais o quê) podem espalhar-se pela divisão e a uma grande distância. E é por isso que num estudo recente foram encontrados resíduos de matéria fecal em escovas de dentes.

2. Guarda a escova de dentes no armário da casa de banho. Pode achar que esta é a melhor forma de impedir que as bactérias da sanita cheguem à sua escova de dentes mas, ao estar ‘presa’ num armário ou numa caixa, por exemplo, a sua escova pode não ter tempo para secar entre as utilizações, tornando-se terreno fértil para bactérias. Também não se esqueça de trocar de escova de dentes a cada três meses, pelo menos.

3. Deixa os pincéis de maquilhagem na bancada da casa de banho. Tudo o que aplica na pele e especialmente no rosto deve ser mantido fora do caminho dos germes da casa de banho. Além disso o calor e a humidade da casa de banho podem deixar os pincéis ainda mais à merce da propagação de bactérias. Mantenha os produtos de beleza em caixas ou gavetas, lave os pincéis de maquilhagem com frequência e substitua-os sempre que necessário.

4. Usa a sua esponja de banho por demasiado tempo. As bactérias adoram propagar-se pelas esponjas de banho húmidas e cheias de resíduos de pele morta e gel de duche. Deixe a esponja sempre a secar depois de cada utilização e troque-a a casa três ou quatro semanas.

5. Deixa as toalhas secar nos varões ou ganchos da casa de banho. Lavar as toalhas de banho a cada três utilizações é uma boa ‘regra’, mas apenas se as estender a secar ao ar livre ou num estendal. Ao amontoá-las nos varões ou nos ganchos a humidade e os restos de sabão ficarão presos nas fibras e pode gerar bolor ou o crescimento de bactérias.

6. Põe esta divisão a arejar poucas vezes. A humidade da casa de banho e o vapor que gera quando toma banho podem promover o crescimento de bolor e fungos na casa de banho, por isso é importante que abra a janela sempre que possível. Caso não tenha janela, ligue ventoinha ou o desumidificador durante 15 a 20 minutos depois de cada banho.

7. Nunca lava a cortina do banho. Além de ficar com bolor também pode abrigar inúmeras bactérias por isso é essencial que antes de mais a deixe secar, esticando-a depois de cada banho pela banheira (e não corrida para um dos lados) e que a lave com frequência. Geralmente até pode lavar a cortina na máquina, por isso nem terá muito trabalho.

8. Usa o telemóvel na casa de banho. Tudo o que leva para a casa de banho pode ficar contaminado por germes ou matéria fecal, por isso o melhor será evitar levar aparelhos que não desinfeta com frequência e que tocam nas suas mãos ou rosto com frequência para este espaço.

fonte: www.msn.pt

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *